Palavra do Paroco

A AMIZADE FAZ MUITO BEM!

 

O mês de julho nos brinda com o dia internacional da AMIZADE, celebrado no dia 20. Tenho percebido em minha vida sacerdotal, quantas amizades nasceram pela participação na Igreja, pelo convívio nas pastorais. Amigos a partir da experiência da fé!

A arte da amizade é o desenrolar de sentimentos e ações mais belos que existem entre as pessoas. É doação de tempo, espaço, cumplicidade e doação baseada somente no amor. Por isso, o escritor dos provérbios afirmou que “... há amigo mais chegado do que um irmão” (Pv 18,24b). 

O que significa amizade na pós-modernidade, quando tantas pessoas se transformam cada vez mais em seres egocêntricos, exclusivistas e com relacionamentos descartáveis? A resposta a essa pergunta leva-nos a refletir sobre o sentido da amizade em nossos tempos.

Quem faz a experiência da amizade conhece bem os ganhos. O verdadeiro amigo é alguém com quem podemos expressar nossos sentimentos mais íntimos. Ao mesmo tempo, é aquele com quem somos capazes de compartilhar o silêncio, sem constrangimento. É a pessoa com quem se deseja estar nos piores e nos melhores momentos. A verdadeira amizade é terapêutica em muitos sentidos, mas não se mantém nem pelo prazer (por causa daquilo que é agradável no outro), nem pela utilidade (pela conveniência ou interesse que uma pessoa pode receber da outra) que venha a ter. Mantém-se pela virtude da gratuidade!

No laço de amizade queremos ver o outro bem, presenciar seu crescimento, compartilhamos suas dores e alegrias. O amigo é aquele que nos aponta o que precisa de cuidados, que nos diz, às vezes, palavras duras com a intenção de que sejamos pessoas mais plenas. Em outros momentos ele nos traz palavras doces, equilibrando nosso modo duro demais diante de algumas situações.

O amigo é aquele que oferece o ombro, os ouvidos e o coração. Faz parte de nossa vida, porém, não o possuímos. Com ele aprendemos a aceitar o outro como ele é, a amar incondicionalmente. Nesse vínculo vamos aprendendo as relações de fraternidade, em que há um respeito a compartilhar. Aprendemos a resolver questões em conjunto, a expor o que sentimos, a perceber melhor quem somos. A amizade nos faz amadurecer e nos ajuda a rever nossos modos de relacionar. Somos mais que números, registros e letras. Somos pessoa, carregamos uma história.

 

Afinal, a amizade só se mantém quando cultivada. Ela se renova a cada momento de presença. Um telefonema, um encontro, um passeio, um e-mail, um almoço, sem motivo utilitário além da grande razão: queremos nutrir o amor, queremos ver a amizade florescer, queremos estar junto. Ter um amigo é achar um tesouro, ser um amigo é explorar a beleza da grandeza do coração do criador!  “Em todo tempo ama o amigo, e na angústia se faz o irmão. (Pv.17,17)  

 

Acolha meu abraço amigo e a bênção,

Pe. Nelson Antonio, CSsR

 

 

 

Palavras Anteriores

PENSE GRANDE

ÁGUIAS NÃO CAÇAM MOSCAS “O perigo não é você pensar grande e não conseguir...
Leia mais
Horário das Missas
  • SEG
    • 7:00
    • 8:00
    • 18:00
    • 19:00
  • TER
    • 7:00
  • QUA
    • 7:00
    • 8:00
    • 18:00
    • 19:00
  • QUI
    • 7:00
    • 8:00
    • 18:00
    • 19:00
  • SEX
    • 7:00
    • 8:00
    • 18:00
    • 19:00
  • SAB
    • 7:00
    • 8:00
    • 18:00
  • DOM
    • 7:00
    • 8:30 *
    • 10:00 ***
    • 11:30
    • 16:00
    • 17:30
    • 19:00 **

* Missas de Catequese

** Missa de Jovem

*** Missa da Família

Veja a programação completa